Você é um bom líder na sua Revenda de Veículos?

Você é um bom líder na sua Revenda de Veículos?

Saiba quais erros evitar para estar em sintonia e poder apresentar os melhores resultados, um time de vendas nas lojas precisa de liderança. Precisa de um bom líder de vendas!

Há diferenças entre ser chefe, gerente e um líder, Para ser líder, você precisa obedecer a alguns requisitos de relacionamento, planejamento e foco. O caminho não é fácil. Conflitos internos, a pressão por resultados e o imediatismo por resultados na revenda podem atrapalhar no desenvolvimento da equipe e fazer você perder a confiança dos membros do seu time.

Por isso, coocamos aqui erros mais comuns de líderes de vendas, para você ficar atento e não cair nos mesmos vacilos. Assim, poderá construir uma boa e produtiva em relação com o seu time e diminuir a rotativade da equipe. Ter uma equipe sólida e firme também traz muito mais credibilidade para a sua revenda.

– Deixar de motivar o seu time de vendas

Muitas lojas não oferecem treinamento de liderança. E, por causa disso, nem sempre se dá a ênfase necessária à importância de liderar. Há um foco maior em lucro e faturamento, volume de vendas e demais métricas tangíveis, de mensuração mais prática e fácil. Por causa disso, valores que não se expressam diretamente em números, como motivação, harmonia e bom relacionamento acabam relegados ao secundarismo. Mas é importante ter esses valores como norteadores no ambiente de trabalho. Eles também influenciam diretamente no resultado final. Incentivar o trabalho em equipe, promover boas performance, manter o time atualizado e recompensar de forma justa são estratégias essenciais para uma boa liderança.

Confundir liderança com gerência

A liderança é o ato de envolver a equipe para atingir a meta da empresa, aplicando a motivação e o incentivo necessário.

O líder de vendas é aquele que possui a confiança e a credibilidade da sua equipe, mas, ao mesmo tempo, trabalha de forma estratégica para o aumento das vendas.

O gerente de vendas tem como responsabilidade administrar, cobrar resultados e coordenar o relacionamento do time com o restante da empresa. Na verdade, “gerência” é o cargo que ele exerce e não está diretamente relacionado com liderança.

– Não ser acessível e ocultar resultados

Esse é um dos fatores que mais desmotivam os vendedores de uma equipe. Ocultar resultados de desempenho e não dar feedbacks sobre suas atividades são formas de diminuir a eficácia do time. Se um vendedor errou, oriente-o para não cometer mais erros, e isso se conquista através de feedbacks. Se ele acertou, precisa ser reconhecido e elogiado também. Mas lembre-se de fazer isso individualmente, para evitar constragimentos perante outras pessoas da equipe.

– Não monitorar e comunicar o progresso das metas

Monitorar o progresso das metas é muito importante para que a equipe sinta-se motivada a alcançá-las. Sem isso, o time de vendas não saberá em que ponto estão e se precisam mudar suas práticas de vendas. Não basta somente definir os objetivos da equipe: ela precisa ser comunicada constantemente sobre o andamento das vendas. Dessa maneira, o seu time vai se sentir parte do processo de vendas e responsável por ele.

– Não administrar conflitos na equipe

É normal uma equipe comercial ter pequenos conflitos. O que não é normal é uma liderança comercial que não se preocupa com a saúde do relacionamento dos colaboradores e não demonstra uma postura proativa em casos de desacordos ou brigas internas.

Para isso, o líder precisa agir de forma consciente, justa e ética para resolver os problemas. E fazer com que os conflitos não se tornem um fator de desmotivação.

– Deixar de fazer treinamentos de vendas
Se a equipe de vendas precisa vender mais, é necessário que a liderança faça treinamentos de vendas ou leve seu time à empresas especializadas. O treinamento é uma ferramenta que a liderança comercial deve utilizar para aumentar a eficiência do time, elevando os resultados e também a lucratividade da loja. Hoje em dia além dos vários cursos presenciais, há uma infinidade online, otimizando tempo e reduzindo até mesmo o custo.

  • Gerenciar mal o próprio tempo

A gestão do tempo do líder de vendas precisa estar voltada para a otimização das atividades e o desempenho de todas as responsabilidades de maneira eficiente. Essa é uma habilidade particularmente importante que todo líder precisa ter para conseguir lidar com a pressão de todas as demandas.

Delegar tarefas que são possíveis é necessário para poder focar nas atividades mais estratégicas, como dar atenção individual a cada vendedor, participar de reuniões com clientes maiores e motivar a equipe.

– Focar apenas em resultados

Um líder que fica de olho apenas no fim do processo, ou apenas em metas financeiras, tende a criar atalhos para alcançá-lo mais rápido, para alcançar o resultado imediato. A conquista de resultados é um processo. Administrar a pressão desde o primeiro dia evita que ela cresça demais ao final. Planejar e distribuir tarefas de maneira organizada faz com que os resultados apareçam de maneira natural. O imediatismo impede o bom desenvolvimento do processo, pode desgastar a relação entre colaboradores e levar até a atitudes antiéticas.

Podemos concluir que dar o feedback certo e a recompensa justa. Entender que resultados não aparecem da noite para o dia. Administrar bem o tempo e promover atualização do time. Estas são algumas das características que um bom líder de vendas de revendas precisa ter.

Não seguir esse conjunto de boas práticas pode causar maus resultados e um ambiente de trabalho ruim. E isso não é bom para ninguém.

Liderar não é fácil. Mas é preciso. Esteja sempre atento a esses possíveis erros. Seja humilde. E construa um time de vendas na sua loja que esteja sempre afiado, em harmonia e que confie em você!

E você, tem mais alguma sugestão de erros a serem evitados pelo líder de vendas? Compartilhe com a gente nos comentários.

Até a próxima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *